domingo, 12 de julho de 2009

Algumas palavraS...


Como um amontoado de letras pode provocar e descrever tantos sentimentos? Como podem produzir as mais belas palavras proferidas pelo nosso coração? Como podem, muitas vezes, nos fazer parar por alguns momentos de nossa rotina nociva e provocar a atenção que muitas vezes não demos quando necessário a outras coisas?

Em você já vi vários seres. Um ser que ama, um ser que sofre por amor. Um ser que ama o amor. Um ser que odeia. Um ser que odeia o ódio. Um ser que não tem medo dos seus instintos. Um ser capaz de entrelaçar seus momentos, unificando-os em um só sentimento. Um ser que ama a vida, ama cerveja, ama novos ares, ama novos caminhos. Um ser que ama os amigos, que ama escrever, um ser que ama os sentimentos, que procura sempre o seu destino.

Um ser com qualidades e defeitos, cujos dogmas regem sua vida, sua mente e seu coração, ao mesmo tempo que, algumas vezes, o melhor prazer esteja viver seus dogmas ao avesso.

Sei que tudo que descrevo aqui faz parte da minha óptica obtida por tudo que já vi de você. É pouco. E você não é feito de pouco. Pelo contrário. Tenho certeza de que o disse aqui é apenas um grão de areia da bela paisagem que você compõe dentro de si.

Desejo-te sempre sucesso, pois admiro o seu desejo de viver, a sua maneira de descrever as peças que compõem a nossa alma, de olhar para o mundo como um grande território a ser ainda explorado pelos seus olhos.

E pode ter certeza, de que neste teatro louco da vida, estarei aqui para aplaudir cada degrau que for alcançar, e se necessário, mesmo que com a minha humilde maneira de lidar com as palavras, serei um dos vários braços que não deixarão você cair do palco principal.

Pois ali é o seu verdadeiro lugar. O lugar dos vencedores cujo mérito maior é dado pela sua própria essência, e pela sua humildade em saber que está sempre aqui para aprender.

E surpreender...
Danilo Moreira

Esta é uma pequena homenagem a um dos grandes parceiros que me acompanha há mais de dois anos na blogosfera, e que hoje está completando mais um ano de vida. Parabéns Rod! E sucesso sempre com seu dogMas!


Gostou do blog? Então não o perca de vista. Assine o feed, adicione nos seus favoritos ou seja um seguidor. O Ponto Três agradece a sua visita!


FOTO: http://caicodequeiroz.files.wordpress.com/2009/02/velaesrelaprata.jpg

5 comentários:

Euzer Lopes disse...

Belíssima homenagem, hein?
Afinal, digna de quem é.
Também conheço tal blog. E sei da força que ele tem.
Por palavras perdidas que, juntas, transmitem idéias, sentimentos e emoções que nos fazem questionar o que temos dentro de nós.



Falando nisso, nada de MSN, até agora, hein? Estou esperando.

Ana Paula Moreira disse...

Muito bonito seu texto de homenagem!! Bacana uma amizade assim que começou na blogosfera. Ainda não fiz amigos assim, mas tb não tenho muito tempo de blog. Mas acho que todos somos vários seres. Temos nossos momentos e nossos sentimentos e atitudes mudam de acordo com cada momento.

Clip Emoção disse...

Po que homenagem Fenomenal ate eu queria uma dessas..

ex-amnésico? disse...

Mea culpa, mea culpa, mea maxima culpa, confiteor Deo omnipotente!

Faz tempo que não te acompanho; faz tempo que não acompanho ninguém que mereça ser acompanhado; faz tempo que não sei a quem acompanhar; faz tempo que eu não sei quem eu sou, quem acompanho ou quem é quem; faz tempo...

Quem sou eu? Quem é você? Quem somos todos nós? Sabemos? Saberemos?

Bem, você deve (ou deveria saber); eu... bem, eu não.

Mas uma coisa lhe digo: fiz besteiras na minha vida; não ouvi quem deveria e aceitei "coisas" que hoje me arrependo; são muitas para contar aqui; isso pouco importa agora, você saberá, com o tempo.

O que ME importa agora é que tu, que és um poeta que invejo (não tenho nenhuma vergonha em admitir), ainda lembras desse velho idiota que te escreve agora. O Deus no qual eu não sei se acredito e que aparentemente acredita em ti te abençoe e te dê forças para continuar tua jornada nesse Oceano humano em que navegas intrépido.

Obrigado e parabéns!

[ rod ] disse...

Grande Danilo o que dizer das suas palavras... putz muito obrigado. Tudo verdade, tudo sincero... amigo você me deu um presente e tanto no meu dia. Agradeço a Deus por ti conhecer.

Abs... e olha que eu publico este texto lá no dogMas.r.s..s

[ rod ]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...