terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Três visões paulistanas


Olá, leitor!

“Alguma coisa acontece no meu coração/ Que só quando cruza a Ipiranga e a avenida São João. [...]”

Hoje, 25 de janeiro, São Paulo faz 457 anos!

Falar da casa da gente é outra coisa. Nós sabemos dos problemas cotidianos, como o trânsito, violência, entre outros. Mas, como toda casa, onde a gente come, trabalha, dorme, e se diverte, o que sempre prevalece é o amor por ela, amor incondicional, de quem sabe das suas peculiaridades, e que assim como família, a gente consegue amar e odiar, mas não sabe viver sem.

E como homenagem, o Ponto Três resolveu fazer diferente. A seguir, uma entrevista pingue-pongue, com a visão de três moradores de São Paulo.

Gilson Alves, 22 anos, autor do blog Pré-Textos.

Marcio Andrade, 31 anos, estudante de Jornalismo.

Rodrigo Yoshizumi, 21 anos, autor do blog Espaço em Branco.

1. Há quanto tempo mora em São Paulo?

Gilson: desde de sempre (22 anos)

Márcio: 31 anos, fez ontem! (risos) Nasci aqui e pelo jeito é aqui que vou morrer! (risos)

Rodrigo: oficialmente, há pouco mais de 4 anos.

2. Qual bairro/região?

Gilson: Jardim Novo Marilda, extremo Sul da Zona Sul

Márcio: adivinha, Parelheiros! (extremo sul)

Rodrigo: morei dois anos na Vila Matilde, zona Leste, depois um ano no Jaguaré, Zona Oeste, e há um ano na Vila Mariana, Zona Sul, onde moro atualmente.

3. Se fosse montar um ranking, quais seriam os seus três locais preferidos na cidade?

Gilson:
1. Ibirapuera (o parque é ótimo, ainda conta o MAM, Museu Afro, a Oca...)
2. Pinacoteca, Parque da Luz. A região é histórica e tem nas proximidades o Museu da Língua Portuguesa e o Memorial da Resistência de São Paulo
3. A Av. Paulista, como gostam de dizer, “a mais paulista das avenidas.” Moderna, ela reúne gente de todas as tribos...

Márcio: Ibirapuera, Praça da Sé (ou a região do Centro) e a USP! Ah, e salve os bares! Até dia de segunda tem diversão!

Rodrigo: Com certeza, o número 1 é onde eu passei mais tempo, por conta da faculdade (sou formado pela Cásper Líbero) e também pelas inúmeras opções de lazer: a Avenida Paulista. Número 2 é a região Central de São Paulo (região da Rua XV de Novembro, Largo São Bento), onde trabalhei por um ano. É um lugar lindo. E número 3 a região aqui da Vila Mariana, onde eu moro (que é perto do Parque do Ibirapuera, tem vários bares legais, etc.).

4. Qual personalidade famosa, na sua opinião, é a cara de São Paulo?

Gilson: vou copiar do Caetano (risos), Rita Lee.

Márcio: Cara, Demônios da Garoa, Titãs! E ainda o Ira, são tanto a cara de Sampa que até já conheci os caras em um dos diversos bares maravilhosos da cidade.

Rodrigo: Essa pergunta é difícil... Muitos já dizem, já é praticamente um clichê, mas São Paulo tem milhões de faces. Difícil definir uma.

5. Para você, um verdadeiro paulistano é...

Gilson: tolerante (pois sabe entender a bonita mistura existente na cidade:
nordestinos, orientais, etc); dinâmico (pois é a cidade onde TUDO acontece); bem informado; e só para não quebrar a tradição: trabalhador

Márcio: Todo aquele que se previne, levando consigo um guarda-chuva, até em dia de sol!

Rodrigo: É aquele que sabe que é paulistano. Só gente que é sabe o que é ser um verdadeiro paulistano...

6. Só acontece em São Paulo...

Gilson: a noite paulistana... Acho que tem tantas opções... Só aqui.

Márcio: Trânsito lento em dia de feriado e domingo!

Rodrigo: as chuvas de São Paulo. É uma desgraça, por conta dos problemas que traz como as enchentes, mas é uma chuva única. Só paulistano sabe o que é.

7. Qual o maior problema na região onde vive?

Gilson: Transporte. A zona sul é uma das menos banhadas pelo transporte rápido(nosso metrô vai só ate o Jabaquara e o trêm ate o Grajaú, no entanto extremo sul da Zona Sul se estende além de Parelheiros...)

Márcio: São muitos, mas o transporte público é um saco! Apesar de já ter melhorado, mas é preciso muito mais.

Rodrigo: O aluguel é definitivamente um problema. É muito caro morar por aqui.

8. Deixe uma pequena homenagem à cidade.

Gilson: Bom, vou colar um textinho antigo que escrevi, mas que deixa bem claro a minha relação com a cidade:

Eu Paulistano

Sou filho do povo baiano
Que junto com o restante do nordeste
Tanto ajudou a construir o sudeste

Levantou as paredes de concreto da terra da garoa
Entre suor e lágrimas, calos e dores
Fincando nesse chão novos amores

Povo que largou o chão sofrido
Que só palma produzia
Rumo a cidade cinza onde a fumaça fluía

Gente que explorou os extremos
Saindo do centro e indo para margem
Formando os guetos e gerando nova paisagem

Aqui tudo resultou em encontros
Pernambucanos com baianos
Cearenses e alagoanos... Entre outros tantos

Como uma nova miscigenação
Brasileiros e brasileiros
Estreitando os laços, dando as mãos

Eu Paulistano, produto das linhas acima
Trabalho como os que aqui sempre trabalharam
Mas sonho como os que para este São Paulo migraram

Márcio: Eu já tenho até uma música, dentre várias composições que faço, mas o mais legal é ver a diversidade humana que esta cidade agitada tem. É algo único e mágico e é como se o mundo inteiro estivesse aqui. Demais!

Rodrigo: Existe um site que é em homenagem a São Paulo. Ao invés de fazer uma homenagem, divido o link com quem não conhece: http://www.saopaulominhacidade.com.br/ . Neste site, você encontra fotos, histórias, músicas e muito mais, tudo relacionado à cidade que tanto amamos. Parabéns, São Paulo!

É isso. Obrigado a vocês três pela participação! Parabéns à cidade que não para, do Marsilac ao Pico do Jaraguá, do Itaim Paulista à Vila Sônia, a todos os moradores, a todos que ajudaram a construir a nossa história.

Parabéns, São Paulo. Parabéns a todos nós.

Até a próxima!

Danilo Moreira

Gostou do blog? Então, não o perca de vista. Assine o feed, adicione nos seus favoritos ou seja um seguidor. Obrigado pela visita ao Ponto Três!

FOTO: http://www.saopaulo.sp.gov.br/en/conhecasp/turismo_pontos-turisticos_vale-anhangabau.php

3 comentários:

Gilson Alves disse...

Criativa a homenagem Danilo. Gostei de participar e de ler as considerações dos colegas... muito bom!

gilSon alvess
gilsonalvess.blogspot.com

BLOG DO PROFEX disse...

Danilo, vc me fez andar pra chegar até aqui. Fui no seu primeiro blog, no segundo e aportei por aqui. E, surpresa agradável, dou de cara com essa postagem-entrevista sobre Sampa. E na semana passada eu tinha feito uma também. Gostei das falas dos entrevistados. Gostei do blog e estou seguindo. Sou jornalista e vejo que também vai ser. Deixo um grande abraço e um convite para ler o post a que me referi: http://blogdoprofex.blogspot.com/2011/01/meus-poemas-sampa-bela-stampa.html
Grande abraço!

song.clothes disse...

Adoro esse tipo de postagens.
Dá pra comparar e ver as diferenças...parece bobo mas sou louca por essas coisas U_U
Quanto a SP, não conheço ainda...mas quando for o primeiro lugar que irei conhecer é a galeria do Rock ♥

http://songclothes.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...