domingo, 14 de junho de 2009

Delírio - Vozes


vvvvvozesssss
vvvvvozesssss
vvvvvozesssss
vvvvvozesssss


SintoVozesANadarSobreMeusNeurônios
SensaçõesResultantesDeMomentosSombrios
SereiUmEternoEscravoDasChicotadasARelembrarMeusErros?
SereiUmEscravoDosMomentosDePerdas?

vvvvvozesssss
(vvvvvozesssss)
(((vvvvvozesssss)))
(((((vvvvvozesssss)))))


APerdaEALoucuraRacharam-MePorDentro
Reestruturo-MeAosPoucosAtéDesprender-MeDeTudo

((((((((tento))))))))

((((((((tento))))))))

((((((((tttttentoooooo))))))))

EnquantoIssoVouSeguindoMeuCaminho
VouCorrendoAtrásDoCaminhoQueVaiMeLevar
ProcuroAssentarATerraAindaSoltaNoArQueEuRespiro
SujoMeusPés
SujoMeusOlhos
SujoMinhaMente
MasMeuCoração
EnquantoEuTiverAEssência
ContinuaráLimpo
ESeráOPilarAEquilibrarTodosOsOutros

((((((((sssssaiammmmm, vvvvozesssss!!))))))))
((((((((sssssaiammmmm, vvvvozesssss!!))))))))

((((((((sssssaiammmmm!!))))))))
((((((((sssssaiammmmm!!))))))))
((((((((sssssaiammmmm!!))))))))
((((((((sssssaiammmmm!!))))))))

((((((((saiam!!))))))))

EMeDeixemViverAsLuzesDoMeuPróprioSol

doMeuPróprioSol
(doMeuPróprioSol)
((((doMeuPróprioSol))))
((((((((doMeuPróprioSol))))))))

((((((((LLLLLIVREEEEE))))))))



Danilo Moreira

FOTO: http://soninha_lencione.blog.uol.com.br/images/img.phpmmm.jpg

16 comentários:

Douglas Lourenço disse...

é cara, as vezes me sinto assim tbm...muito bom parabéns....abraços

JuANiTo disse...

Muito BOM!
Esse efeito dá um visual legal para o poema!
Todos nós nos sentimos assim quando ouvimos as vozes da consciencia!
Abraço!

Bruno disse...

Fantastico. os efeitos, as palavras cobertas de sentimentos, tudoo.
abçs cara!

Rosangela A. Santos disse...

Acho que muito de no0s já nos sentimos assim .. muitiossimo bom o seu texto e a forma como colocou.. parabéns!!

Leo Pinheiro disse...

Quando achamos que poesia concreta é a maior novidade... As novas tecnologias permite-nos que criemos novos apelos no formato de nossas escritas.

Interessante!

Só tome cuidado para isso não concorrer'demais' com o seu conteúdo.

Tainã the Alchemist disse...

d+ o visu do teu blog
o design do último post ficou muito bom,como vc fez?
quanto aos outros posts,fica difícil dizer q todos foram criados pelo mesmo autr,de tão diferentes q são entre si
vc é uma f[abrica de criatividade,esse blog com certeza tem arte
http://tainanthealchemist.blogspot.com/

Bruno disse...

Pois é. Gostou... tô nos acabamentos... e aqui, como sempre, tá bom demais.

Abçs cara.

Escrito pela saudade... disse...

Muuuuuito doooido!
o efeito nas cores causa uma reação muito surpreendente.
gostei mesmo da arrumaçao do texto
parabens!

Guiovan Coimbra de Oliveira disse...

parabens pelo belo poema danilo!!!!
cada vez que passo por aqui me surprenndo cada vez mais!!!!!
vc conseguiu transmitir graficamente as sençassões de vozes!!!!
e liricamente também passou a sençassão que acho relmente bela que é o sofrimento!!!!

abraços!!!!

Anônimo disse...

Nunca sei o que comentar sobre poemas, porque na verdade eles nunca são comentáveis, são pra serem lidos e refletidos!.
Apesar de triste, é um poema puro.

ganésinho disse...

O efeito gráfico da vida pro texto, faz o leitor visualizar o poema e ouvir as tais vozes.

melke disse...

Muitas linguagens, um só post..
dava até p sentir as palavras.. rs

Interessante!!

Mimi disse...

tb adorei a maneira que foi escrito, diferente, e cada um v~e de uma maneira.

parabéns.

http://maria-chuteira.blogspot.com/

Marcelo A. disse...

Loucura, vozes... Você anda inspirado, hein?

Rsrsrsrsrs!

Seu texto tá ótimo! Engraçado isso... Há coisas que a gente simplesmente lê; outras, a gente lê e sente. É o que você me passou... A agonia de alguém, atormentado por suas vozes a lhe lembrar dos erros, das perdas, das derrotas...

Ah! Adorei seu comentário lá no "Diz"! É bom demais quando a gente encontra algo além do "legal seu blog, passa lá no meu..."

Vê se volta mais vezes, falou?

Abração, velhinho!

Ives Nelson disse...

E novamente a loucura, recorrente, sobre a forma de vozes, cores e sons. Muito boa a interação deste, com o post anterior.

Os efeitos funcionaram bastante!

Angelo A. P. Nascimento disse...

Cara, não poderia deixar de dizer que sua poesia é fantástica, sinestésica. Eu li e senti.
Abração e continue!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...